sábado, 6 de fevereiro de 2010

Pão de Hamburguer

Procurava como é que se faziam as bolas de pão de hamburguer e acabei por achar no blog Pão, Bolos e Cia como é a receita (que transcrevo aqui e a quem dou todo o crédito).


Big MacImage by Phil Dragash via Flickr



O hamburguer é uma espécie de sanduíche de carne picada (quase sempre bovina) e cozida (frita, grelhada, etc). É geralmente servido entre duas metades de pão, formando uma sanduíche e pode ser acompanhado por condimentos e outros ingredientes também colocados dentro do pão, como a cebola, alface, tomate, ketchup, queijo fatiado, bacon, etc.

Há poucas versões sobre a origem do hamburguer. Porém, um dado é certo: ele nasceu há muitos séculos, contrariando a regra da grande maioria dos hábitos alimentares, que se caracterizam pela regionalidade.
O hamburguer, apesar de ser considerado como uma instituição norte-americana, só chegou aos Estados Unidos da América, pelas mãos de imigrantes alemães, vindos dos arredores de Hamburgo.

Uma das histórias sobre sua origem remete ao século XIII, quando cavaleiros tártaros moíam a carne dura e crua durante as cavalgadas, colocando-a sob suas selas. Após algum tempo de travessia, o alimento se transformava numa "massa" mais macia e fácil de mastigar.

A história do hamburguer começou no final do século XVII, quando tribos nómadas da Ásia Ocidental desenvolveram a técnica de temperar a carne bovina, finamente picada, a fim de evitar o seu perecimento. A iguaria teve bastante aceitação, uma vez que dispensava o manuseamento do fogo nos acampamentos.

Marinheiros alemães que faziam a rota do Báltico conheceram a receita, porém, torceram o nariz quanto à carne crua. Levaram, então, a ideia para casa, mas passaram a cozinhar a carne. O sucesso foi tal que rapidamente virou um prato típico da culinária alemã.

No século XIX, quando a América recebia os seus novos descobridores, os navegadores que partiam da cidade alemã de Hamburgo traziam a tradicional receita, que recebeu o nome de hamburg style steak (bife ao estilo hamburguês).

Os americanos aperfeiçoaram a receita, acrescentando o pão.
Hoje, o hamburguer é um ícone da culinária americana.

Em 1836, no restaurante Del Monico’s, em Nova Iorque, o hamburguer ganhou, pela primeira vez, estatuto de iguaria e passou a constar da ementa - entre duas fatias de pão, já em formato de sanduíche.

Ingredientes:
1 copo (240 ml) de água
1 ½ colher (chá) de fermento biológico seco
2 colheres (sopa) de açúcar
1 colher de sopa de leite em pó
3 copos (430g) de farinha de trigo
2 colheres (chá) de sal fino
2 colheres (sopa) de óleo

leite (para picelar)
sementes brancas de sésamo (para enfeitar)

Confecção:
Colocar os ingredientes pela ordem indicada, na cuba da MFP.
Seleccionar o programa "Massa".
Depois de terminar deixar levedar durante mais 30min.

Retirar a massa para uma superfície enfarinha e dividir a massa em 8 bolas.
Tender as bolas, deixando a superfície lisa.
Deixar levedar, espaçadas, sobre a superfície enfarinhada.
Polvilhar com farinha e cobrir com um pano.
Deixar levedar durante mais 30min.

Pré-aquecer o forno a 200ºC.
Com uma espátula larga, colocam-se as bolas num tabuleiro polvilhado com farinha ou forrado com um tapete de silicone.
Pincelar as bolas com leite e salpicar com as sementes de sésamo.
Levar ao forno até ficarem douradas, cerca de 15 a 20min.
Retirar e deixar arrefecer numa grelha.

Reblog this post [with Zemanta]

4 comentários:

  1. ai amiga, nem maginas o que me lambuzei só de pensar que poso fazer este pãosinho tão delicioso.

    Vou experimentar, depois dou noticias:))

    beijinhos:))

    ResponderEliminar
  2. ehhehe ok, fico à espera de saber como ficou :)
    beijinhos e boa semana!

    ResponderEliminar
  3. Tenho de experimentar fazer estes pãezinhos de hamburguer! Beijinhos

    ResponderEliminar

Blog Widget by LinkWithin
Pin It button on image hover