segunda-feira, 9 de maio de 2011

Pão de Gengibre e Cenoura

Neste fim de semana, o ingrediente escolhido para fazer o pão foi o gengibre. Como o gengibre tem um sabor muito forte, e por isso indico que este pão seja apenas feito por apreciadores de gengibre, misturei outro ingrediente, a cenoura, para que o paladar do gengibre não seja tão dominante neste pão.


Vamos conhecer um pouco mais sobre o gengibre.

O gengibre (Zingiber officinale) é uma planta herbácea da família das Zingiberaceae, originária da ilha de Java, da Índia e da China, de onde se difundiu pelas regiões tropicais do mundo.
É conhecido na Europa desde tempos muito remotos, para onde foi levado através das Cruzadas. Em Portugal existe registo da sua presença desde o reinado de D. João III (1521-1557).

É uma planta medicinal das mais populares e antigas do mundo.
As suas propriedades terapêuticas são resultado da acção de várias substâncias, especialmente do óleo essencial que contém canfeno, felandreno, zingibereno e zingerona.

Popularmente, o chá de gengibre, feito com pedaços do rizoma fresco fervido em água, é usado no tratamento contra gripes, tosse, resfriados e até ressacas.
Banhos e compressas quentes de gengibre são indicados para aliviar os sintomas de gota, artrite, dores de cabeça e na coluna, além de diminuir a congestão nasal, cólicas menstruais e previne o cancro do intestino e ovário.

No Japão, massagens com óleo de gengibre são tratamentos tradicionais e famosos para problemas de coluna e articulações, visto que possui características anti-inflamatórias, sendo uma solução natural para aliviar a dor. Na fitoterapia chinesa, a raiz do gengibre é chamada de "Gan Jiang" e apresenta as propriedades acre e quente. Sua ação mais importante é a de aquecer o baço e o estômago, expelindo o frio. É usada contra a perda de apetite, membros frios, diarréia, vômitos e dor abdominal. Aquece os pulmões e transforma as secreções.

A medicina ayurvédica reconheceu a acção dessa planta sobre o sistema digestivo, tornando-a oficialmente indicada para evitar enjoos e náuseas, confirmando alguns dos seus usos populares, onde o gengibre é indicado na digestão de alimentos gordurosos.


Ingredientes:
150ml de leite
100g de cenouras raladas
3 colheres de sopa de óleo de girassol
3 colheres de sopa de mel
2 colheres de chá de gengibre em pó (recomendo apenas 1 colher, porque o sabor é forte!)
4 colheres de flocos de trigo integral
400g de farinha Pão Caseiro da Nacional

Confecção:
Coloque todos os ingredientes pela ordem apresentada na cuba da máquina de fazer pão e seleccione o programa Pão Básico, cor média e peso 750g.

Nota:
Esta farinha Pão Caseiro da Nacional já contém fermento e sal. Se preferir usar farinha normal, não se esqueça de juntar sal e fermento de padeiro.

Bom apetite!

5 comentários:

  1. O gengibre é um ingrediente muito especial. Precisamos utiliza-lo mais para apreciar todo o seu sabor!
    Vou experimentar!!

    ResponderEliminar
  2. Obrigada, Bruna!

    Não devemos ter receio de utilizar outros ingredientes menos comuns no nosso dia-a-dia :)

    Aqui há dias bebi uma limonada com gengibre, ao lanche num café e foi muito boa a mistura de sabores!

    Bjs!
    Ana

    ResponderEliminar
  3. ola bom dia.
    Embarquei agora nesta aventura de fazer pão. Comprei a maquina a semana passada.
    Este fim de semana fiz o meu primeiro pão. Quanta asneira. Realmente é facil juntar os ingredientes, maas depois a maquina é que foi mais complicado.
    O pão não cresceu , ficou cru.Enfim ...Na segunda tentativa melhorou, mas mesmo assim, ficou baixinho...Mas hoje vou tentar de novo.
    Adorei ler as suas receitas e "dicas"...:-)

    ResponderEliminar
  4. eu por acaso ja usei gengibre e gostei do sabor.
    esta bem tentador este pao
    beijinhos

    ResponderEliminar
  5. Ai,ai!
    Que delícia!
    Minha maquina de pão esta parada preciso usar ela.
    Beijinhos cheio de coco!

    ResponderEliminar

Blog Widget by LinkWithin
Pin It button on image hover