segunda-feira, 23 de Fevereiro de 2009

10 Dicas Preciosas Para Fazer Pão na MFP


Quando se compra uma máquina nova para fazer pão, ficamos a olhar e a pensar: "E agora? Como é que se faz o pão?" Bem, é simples se cumprirmos umas regras que parecem bastante simples, mas para quem faz pão pela primeira vez não dá por elas:

1-Não esquecer de encaixar a pá no fundo na cuba
A cuba é o recipiente onde o pão é feito e cozido. Com a máquina, vêm umas (ou somente uma) pá, que é encaixada na cuba, e que vai fazer a mistura dos ingredientes, mexer a massa... é essencial não esquecer, senão o pão vai directamente para o lixo, depois de feito.

2-Ordem dos ingredientes
Colocar sempre os ingredientes líquidos em primeiro lugar dentro da cuba, e só depois se adicionam os sólidos. O fermento deve ser o último a ser adicionado, para não ficar em contacto com a água nem com o sal, evitando-se que entre em actividade antes do tempo pretendido. Por exemplo quando se programa a máquina à noite para ter o pão pronto de manhã, é essencial não esquecer esta regra de colocar o fermento por último, em cima da farinha.

3-Juntar passas ou sementes só quando a máquina indicar
As máquinas de fazer apitam durante o ciclo de mistura para que se possam adicionar passas ou sementes se for desejado. Apenas nesta altura é permitido abrir a tampa da máquina.

4-Não abrir a tampa da máquina durante o tempo de amasso/repouso da massa
A máquina de fazer pão cria um ambiente de temperatura constante e ideal para que o pão possa crescer. Se abrirmos a tampa da máquina enquanto o pão está a ser feito, vamos fazer variar a temperatura dentro da cuba, afectando o crescimento do pão. Por isso apenas é permitido abrir a tampa da máquina para juntar sementes ou passas, quando a máquina apita durante o ciclo de amasso/repouso.

5-Fermento biológico vs fermento seco em pó
Ambos se podem utilizar, no entanto é preciso ter sempre em atenção que se for utilizado o fermento biológico (fermento de padeiro), este deve ser fresco e mantido fresco. Se comprar em maior quantidade, congele o que não utilizar, já cortado em porções certas.
O fermento seco encontra-se facilmente no hipermercado, da marca Fermipan ou Vahiné por ex., junto da secção dos pudins, doces, fermentos.
É de notar que o fermento químico não deve ser utilizado para fazer pão, por ex o fermento Royal, visto que este apenas faz crescer a massa durante o processo de cozedura.
A equivalência do fermento biológico, ou de padeiro, para o fermento seco é a seguinte:
15g de fermento de padeiro correspondem a 1 colher de sopa de fermento seco em pó.
Desta forma quando se deparar com uma receita onde diz para se utilizar fermento seco em pó, se quiser pode trocar por fermento de padeiro, e vice-versa. Tenha em atenção que se quiser utilizar uma farinha pré-preparada, como as da Nacional ou do LiDL, não será preciso adicionar qualquer fermento, visto que estas farinhas já têm fermento para fazer o pão.

6-Açúcar no pão?
Muitas receitas incluem a adição de uma colherzinha de açúcar e outra de sal. É estranho? Ao princípio sim, mas garanto que o pão não fica doce. Sempre apenas para ajudar o fermento a fermentar durante o processo de fermentação.

7-Farinhas pré-preparadas vs farinhas sem fermento
Existe à venda no LIDL, corredor das bolachas, um conjunto de farinhas pré-preparadas para a máquina de fazer pão, que já incluem fermento e sal. Basta juntar a água e a farinha na cuba e meter o pão a fazer. As instruções sobre as quantidades e qual o programa a utilizar está escrito na parte de trás do pacote destas farinhas. São facilmente identificáveis pela cor dos pacotes: existe o pacote amarelo (pão como sementes de girassol), pacote vermelho escuro (pão integral), pacote azul claro (pão ciabatta), pacote azul escuro, pacote vermelho (pão rústico de trigo e centeio) e pacote verde (pão vital multi-cereais). Como estas farinhas são alemãs, algumas delas fazem pão ao qual não estamos habituados de sabor. Para diminuir o sabor mais intenso destes pães, pode-se traçar a farinha utilizando, em vez de 500g, usar 250g da farinha do LIDL e 250g de farinha tipo 65 (é a normal).
Também existem farinhas-pré preparadas da Nacional, encontram-se junto das outras farinhas nos hipermercados, que na minha opinião fazem um pão mais saboroso que as farinhas do LIDL e para além disso o Kg destas farinhas é mais barato que as do LIDL. Existe a farinha Pão Vitale que inclui 7 cereais (muito bom mesmo), farinha Pão Rústico de trigo e centeio e a farinha Pão Caseiro, que é o tradicional pão branco. Para estas farinhas a receita é sempre a mesma: 350ml de água para 500g de farinha, para fazer um pão de 750g, feito no programa normal.
As farinhas ditas normais, sem fermento, podem ser usadas se depois também for adicionado o fermento de padeiro ou o fermento seco. Quando mais grossa for a moagem, melhor ficará o pão (uma farinha T65 é mais indicada para fazer pão, que uma farinha T55).
Mas a farinha do tipo 65 (T65) corresponde a qual farinha mesmo? Aqui fica a correspondência entre o tipo de moagem e o nome que se dá à farinha de trigo:
T55 - super-fina
T65 - fina
T80/T110 - semi-integral
T150 - integral

8-O pão coze com a pá na máquina ou sem a pá?
Já ouvi esta pergunta e a resposta é: como nunca se deve abrir a tampa da máquina durante o processo, excepto para juntar passas ou sementes na devida altura, isto quer dizer que não vamos andar a furar o pão depois de a massa estar feita só para tirar a pá. Iríamos alterar a temperatura dentro da cuba, o pão seria mexido, iria baixar e o mais certo era o pão não sair bem. Por isso, a máquina trata de tudo, não temos de nos preocupar com a pá, visto que o pão é cozido na máquina com a pá encaixada. Depois de o pão ter saído, já cozido, da máquina, é que retiramos a pá. Há máquinas que trazem um arame para puxar a pá de dentro do pão enquanto que outras não trazem este utensílio, mas consegue-se sempre tirar a pá depois de o pão estar feito.

9-Arrefecimento do pão
Depois de a máquina apitar, sinalizando assim o fim do cozimento do pão, deve-se retirar imediatamente o pão da cuba (não esquecer de tirar a pá se esta tiver ficado dentro do pão) para que este não ganhe humidade dentro da máquina. Depois de tirar o pão, este deve ser colocado em cima de uma rede para que este possa arrefecer e deixar sair o vapor da parte de baixo do pão.

10-Quando cortar o pão?
Deve-se deixar sempre arrefecer durante uma meia hora até que se possa cortar uma boa fatia e comer quentinho com manteiga a derreter em cima do pão.

52 comentários:

  1. boa tarde,
    não é um comentário mas uma pergunta: se misturar 250gr. de mistura da Nacional/LIDL com 250gr. de farinha normal, presio de juntar fermento?
    obrigada

    ResponderEliminar
  2. Olá

    Já tenho feito pão com farinha traçada dessa forma, 250g de farinha Nacional/LIDL com 250g de farinha normal e o pão faz-se na mesma e fica bom, costumo juntar sempre umas pedrinhas de sal para ficar melhor.
    Mas atenção que já me aconteceu e a mais pessoas também, comprar pacotes de farinha pré-preparada do LIDL em que o fermento já não está bom e o pão não cresce nada.
    Por isso, por norma não há problema em traçar a farinha ;)

    ResponderEliminar
  3. quando compramos uma máquina de fazer pão, as receitas vem junto?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pode encontrar tb no site maquina de pao e cia. Jana

      Eliminar
  4. Normalmente, no livro de instruções da máquina de fazer pão, vêm lá algumas receitas :)

    ResponderEliminar
  5. Desculpa incomodar-ter com estas perguntas mas acabei de comprar uma MFP e precisava de saber o seguinte: - Estas máquinas gastam muita energia???? Utilizando o temporizador para ter pão fresquinho de manhã, a MFP também fica a gastar durante a noite ? em quanto aumentou a tua factura de luz desde que tens a máquina e já agora, utilizas-a todos os dias???
    Obrigado desde já e dizer que adoro o teu blog pois tem-me sido de uma grande ajuda.

    ResponderEliminar
  6. Olá Mariana,

    Obrigada pela tua visita :)
    Comecei a responder-te aqui, mas já ia numa resposta tão comprida que resolvi escrever um post com as tuas dúvidas, porque mais gente há-de ter as mesmas dúvidas que tu.
    Consulta sff o post http://receitasmfp.blogspot.com/2010/04/gasto-energetico-da-mfp.html

    Beijinhos!

    ResponderEliminar
  7. Olá,

    alguém consegue informar como é possível manter a frescura do pão durante mais tempo. É que ao fim de um dia, o pão que sai da máquina já parece de há dois dias.
    Cumprimentos,

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Apenas faça a massa na maquina, asse-o em forno convencional.

      Eliminar
  8. Olá

    como o pão que fazemos na máquina não tem os aditivos que as padarias adicionam, o pão dura menos tempo. Mas tem formas de contornar isso, evitando expôr o pão ao ar, depois de este arrefecer.
    Eu costumo guardar o pão embrulhado num pano de cozinha, dentro de um saco de plástico. Assim consigo que o pão dure vários dias.

    cumps
    Ana

    ResponderEliminar
  9. Olá, bem haja pelas dicas.
    Até aqui o pão que fiz tinha sido sempre feito com as farinhas que só é necessário juntar água, saíram sempre bem, aliás optimos.Ontem resolvi fazer um seguindo a receita que vinha com a MFP, que desilusão ficou um tijolo... será por ter diminuido a quantidade de sal?(coloquei apenas uma colher de chá e na receita era uma colher e meia)Tambem fiquei na duvida se devia de colocar sal grosso ou fino. Preciso de ajuda...
    Ana Patrícia

    ResponderEliminar
  10. Olá Ana Patrícia!
    Não creio que o problema tenha sido a quantidade de sal... o sal a colocar é o sal grosso, que fica mais barato, mas se usar do fino, é sal na mesma e não há problema.
    Julgo que o seu problema terá a ver com o fermento.
    Diz que ficou um tijolo, por isso acho que não fermentou como devia ser.
    Atenção que o fermento a usar não é o dos bolos, como o Royal.
    Se usou fermento químico seco para pão, basta juntar 1 saqueta.
    Se usou fermento de padeiro, basta juntar entre meio cubo a 1 cubo - cada cubo é de 25g.
    Outra dica é não juntar o sal junto com o fermento, porque reagem imediatamente um com o outro e depois o fermento não actua quando devia. Se juntar o sal na água, depois meta a farinha e por cima o fermento. Se juntar o fermento na água, deite a farinha e por cima o sal.
    Espero que encontre nestas dicas a solução para que corra tudo bem.

    Boa sorte!
    Ana

    ResponderEliminar
  11. olá! gostaria de dizer que este blog tem-me ajudado imensooooo e dar os parabéns pois realmente nos tira as duvidas todas! Neste natal ofereceram-me 1 mfp Taurus.. ja tenho ouvido que nao é lá das melhores mas eu estou bastante satisfeita porque até agora o pão tem-me saido bem( e ao meu marido tambem ;))embora só ainda tenhamos usado as farinhas da nacional já preparadas! pra semana vou começar a traça-las c farinha t65 e depois é que me vou aventurar.. olhem tem sido realmente um prazer cheirar o paozinho quentinho logo de manha!! obrigada pela vossa ajuda. bjs e bom ano 2011 XD. Margarida(agueda)

    ResponderEliminar
  12. tenho uma duvida, qd utilizamos o programa de amassar a massa leveda até cima(quase que sai da cuba).. so que depois fica muito mole para fazer as bolinhas para cozer no forno o pao :(
    e depois de feitas tem de se deixar levedar mais tempo antes de as pôr no forno??? ai ja nao sei o que fazer.. lol na maquina é bem mais facil mas queria comer pao redondinho... os meus filhotes apreciam mais.. Margarida

    ResponderEliminar
  13. Olá

    sim, depois de moldar as bolinhas e de as meter no tabuleiro, tem de deixar a massa repousar cerca de 30m a 1h antes de as cozer no forno, para que possam levedar novamente.
    Eu costumo meter dentro do forno na temperatura mínima de 50ºC (é a temperatura a que a massa leveda sem a cozer) e quando passam estes 30m a 1h, a massa já terá duplicado de volume e aí ligo o forno a uma temperatura mais alta para cozerem.
    Se o seu forno não tiver a temperatura de 50ºC não o ligue enquanto está a levedar, para não correr o risco de começar a cozer a massa: deixe a massa repousar este tempo no tabuleiro com o forno desligado e aguarda cerca de 1h. Ao fim deste tempo a massa já deve ter duplicado de volume e aí liga o forno à temperatura de 180ºC - 200ºC para cozer :)

    Bjs!

    ResponderEliminar
  14. ARR muito obrigada!!! logo ja vou experimentar.. depois conto como correu ;) bjokas Margarida

    ResponderEliminar
  15. mas assim a massa leveda 2 vezes nao é? porque o programa da maquina é de 1h30.. e depois leveda cá fora mais 30m/1h??

    ResponderEliminar
  16. sim, leveda 2 vezes mas não faz mal :)

    ResponderEliminar
  17. ok já percebi ;) (depois de ler 3x hahhahahahhaha) se tiveres alguma receitinha de pao para todos os dias.. agradecia :)
    beijinhos

    ResponderEliminar
  18. Olá!
    Tenho a minha mfp parada à muito tempo e gostaria de a voltar a usar. Estava a pensar em fazer pães de leite mas o meu forno não é grande coisa para cozer pão. Depois de fazer as bolinhas, não dá para coze-las na mfp? Nem que cozesse algumas de cada vez...

    ResponderEliminar
  19. Eu comprei a MFP, faço o pão que está na receita, de tringo integral, mas está saindo duro, não entendo porque não estou acertando

    ResponderEliminar
  20. olá compei uma mfp e não consigo fazer um pão grande e bonito ,pois eles não crescem

    ResponderEliminar
  21. Olá

    Está a usar fermento de padeiro com a farinha ou usa das farinhas preparadas especiais para a MFP?
    Como é que faz o pão, para que o/a possa ajudar?

    ResponderEliminar
  22. Quando se traça farinha normal com uma farinha MFP, tenho de juntar fermento padeiro? e sal? obg :)

    ResponderEliminar
  23. Perdi meu manual de Instrucões e receitas da MFP DeLonghi Tuto pane BDM 1200S, e esqueci como uza-la. Alguem poderia me ajudar?

    ResponderEliminar
  24. Olá rosana!
    Achei o manual em francês, e coloquei aqui o ficheiro:

    https://sites.google.com/site/blogreceitasmfp/DeLonghiTutopaneBDM1200S.PDF

    Bjs!

    ResponderEliminar
  25. o QUE ACHAM DA MFP FLAMA, EU COMPREI UMA MAS TEM UM CHEIRO ESQUISITO, NÃO SEI SE SERÁ POR SÓ TER USADO FARINHA PREPARADA DA NACIONAL OU SE SERÁ UM CHEIRO CARACTERISTICO DA MÁQUINA.
    GOSTARIA DE FAZER PÃO TIPO ALENTEJANO OU DE MAFRA MAS NÃO SEI ONDE ENCONTRAR FARINHA TIPO 80 70 E 110. PODE-ME AJUDAR

    ResponderEliminar
  26. Bom dia. Já tentei fazer pão umas 10 vezes e só uma vez saiu bem! Estou a fazer com farinha de trigo e fermento biológico. Das primeiras vezes deitava a agua, o sal e o açucar, a farinha e só depois O fermento. Nunca acertou. Depois li na net que, antes do que quer que seja, o fermento tem de ser colocado com açucar e àgua durante 15 minutos, depois mexer durante 1min. e só depois é que posso colicar a farinha e o sal. Quando fiz isto da primeira vez resultou mas nunca mais consegui repetir a proeza! Não consigo perceber a falha... Deixo sempre a fazer durante a noite. E já agora, uso açucar mascavado. Alguém me ajuda neste mistério??

    ResponderEliminar
  27. Olá!
    Recomendo-lhe experimentar fazer pão com ima farinha preparada para a mfp, que já tem sal e fermento na dose certa. Pode usar água morna para ajudar à fermentação.
    Se conseguir, depois pode tentar fazer sem a farinha preparada, colocando cerca de 320ml de água morna, depois uma colher pequena de sal, 500g de farinha e por fim 12g de fermento de padeiro .
    Boa sorte!

    ResponderEliminar
  28. show de bola minha esposa fez e deu tudo certo graças adeus gostei a massa fica bem suave.

    ResponderEliminar
  29. Boa tarde.
    Outro dia estava a comprar pão numa padaria no final do ia e verifiquei que estacam a cortar a massa e a guardar.
    Como já estava quase na hora de fechar questionei para que era a massa, ao que me foi respondido que era para cozer logo de manhã no dia seguinte.
    A minha pergunta é:
    eu posso amassar, levedar e deixar preparado dentro do forno para no dia seguinte, quando me levantar pôr logo a cozer enquanto faço a minha higiene.
    Adoro tomar o pequeno almoço completo em casa, com um pãozinho quentinho, fruta, sumo, leite e tudo o que tenho direito, mas não gosto do pão programado para cozer na mfp. Assim evitava as saídas para comprar o pão.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá!
      Sugiro guardar no frigorífico, de um dia para o outro, senão o fermento continuará a fermentar durante a noite.

      Obrigada pela visita!
      Ana

      Eliminar
  30. Uma questão que tenho pesquisado e que ainda não vi a ser colocada/respondida.

    O sal a colocar é refinado ou grosso?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O sal fino é adequado para estar presente à mesa, durante uma refeição, sendo mais caro devido a ter sido refinado.
      Como o sal acaba por ser dissolvido na água, quanto é feito o pão, é indiferente se coloca sal fino ou grosso.
      Por uma questão económica, coloque sal grosso, tal como na confecção de pratos de culinária. Assim sempre poderá poupar mais um pouco!

      Obrigada pela visita!
      Ana

      Eliminar
  31. Olá, gostaria de saber se posso usar farinha de arroz integral que são as farinhas sem gluten para fazer pão na maquina - par forno convencional dá certo, e para maquinas de fazer pão?
    em
    outra questao q ouço as pessoas comentarem: q o pão feito em maquina de pão costumam no dia seguinte ficar muito seco e sem graça.
    vc tem dica para q isso não ocorra?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá!
      Se consegue fazer pão no forno com a farinha de arroz integral, então na máquina também pode usar.
      A diferença entre fazer no forno ou fazer na máquina é somente o trabalho: em vez de sermos nós a amassar, é a máquina que amassa.
      Sobre o pão ficar muito seco, o pão caseiro (feito à mão ou na máquina) não tem os conservantes nem químicos que adicionam ao pão industrial que se compra e por isso dura menos tempo, precisamente por ser mais saudável.
      Eu costumo embrulhar o pão num pano e colocar dentro de um saco, para não apanhar ar, mas há quem coloque no frigorífico... mas essas dicas tanto servem para pão de compra, como para pão feito em casa na máquina ou à mão.
      Obrigada pela visita!

      Eliminar
    2. Colocar um pouco de gordura no preparado (azeite, óleo de girassol ou margarina por exemplo) ajuda a que se conservem frescos e fofos por mais tempo.

      Eliminar
  32. ola, gostaria de comprar um MFP - me indiquem uma marca que faz pão sem arrependimento! de preferencia uma maquina automatica

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá!
      Se está no Brasil, procure pela Britânia! São muito boas máquinas!

      Obrigada pela visita!

      Eliminar
  33. Maria Amália Soares 10 de Março de 2013

    Boa tarde! Tenho feito pão na MFP sempre com fermento padeiro e fica-me muito bom e cresce bastante. REsolvi fazer três vezes com fermento seco e foi um desastre o pão não cresceu. Acho esquisito porque o livro de receitas da máquina em todas elas diz para usar fermento seco. Tenho sempre a preocupação de colocar o fermento seco no fim. O fermento que tenho usado é Vahiné e a quantidade é uma saqueta. Agradecia que me ajudassem a reslover este problema. Obrigada. Maria Amália Soares

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá
      Nessas receitas em que pedem fermento seco, pode substituir por fermento de padeiro, são equivalentes!
      Bjs
      Ana

      Eliminar
  34. Bom dia! Por favor, alguem sabe me informar onde comprar a farinha T65 em Campo Grande-MS?

    ResponderEliminar
  35. Boa tarde. Alguem pode me informar onde compro farinha de trigo especial da Nacional e outras marcas para mfp, pq aqui onde moro nao encontro (campo grande-ms)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oi!
      Não sou do Brasil, não sei dizer-lhe que marcas aí sejam equivalentes à da Nacional...
      Bjs
      Ana

      Eliminar
  36. Boa tarde, comprei a minha MDP há poucos dias , mas não estou conseguindo fazer um pão macio, principalmente qdo faço o pào de trigo integral light, fica super duro. Como faço? será que podem me dar uma dica.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oi Flávia!
      Os pães integrais devem ser confeccionados no ciclo pão integral, que é um ciclo mais longo para deixar o pão integral levedar. Como é um pão mais pesado, precisa de mais tempo, para não ficar tão compacto. Outra dica que lhe posso dar, é traçar a farinha a 50% com farinha de trigo normal, que ajudar a parte integral a ficar mais fofa.
      Bjs
      Ana

      Eliminar
  37. Olá, eu comprei uma MFP da BRITÃNIA MULTI PANE, ela é ótima, mas onde eu moro é muito quente, aqui nao faz frio, então se eu colocar a quantidade de fermento que pede nas receitas do manual a massa cresce muito rápido e murcha quando começa a assar, então pra quem mora em lugar quente recomendo usar 1/2 colher de chá a menos de fermento.

    ResponderEliminar
  38. Penso que o numero de referencia das farinhas não corresponde à moagem mas sim ao teor de cinzas quando queimadas que é porpocional ao teor de fibras!! claro que quanto menos fibras mais fina podde ser feita a moagem o que faz um bom pao é o teor de proteinas que pode estar ou não presente em em qualquer farinha, o pão algarvio é feito com t55 e não é um pao "fino"...as referencias portuguesas não servem para grande coisa...com certeza já toda gente fez pao ou bolos que ficar bons com uma marca de farinha e com outra foi o desastre mesmo com a mesma referencia.

    ResponderEliminar
  39. Olá comprei uma mfp da arno Le Pain, eu consigo adaptar as receitas das outras panificadoras a esta. Sinceramente, eu a achei muiot inferior as da britania e mondial. Estou tentando trocar. Obrigada

    ResponderEliminar
  40. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar
  41. comprei uma MFP estou a seguir a receita que vem com as farinhas preparadas do Continente, a receita é de pão de soja com sementes (linhaça,sesamo e girassol), estou a colocar todos os ingredientes no inicio, mas o pão não cresce e fica meio cru por dentro.
    como faço para ficar bom?

    ResponderEliminar

Blog Widget by LinkWithin
Pin It button on image hover