segunda-feira, 30 de abril de 2012

Pão Pumpernickel

O Pumpernickel é um pão típico alemão de centeio integral, escuro e denso.
No entanto, com a evolução dos tempos e para ser mais rápido de confeccionar e mais económico, surgiu uma versão americada deste pão, com mel e cacau, cuja confecção apresento aqui no blog.



Ingredientes:
260 ml de água
1 colher e meia de sopa de azeite
80 ml de mel (aprox. 4 colheres de sopa bem cheias)
3 colheres de cacau em pó
500g de mistura de farinha de trigo, trigo integral e centeio (usei a Farinha Pão +Equilíbrio da Nacional, que já tem sal, fermento e uma proporção de 50% de farinha de trigo, 40% de farinha de trigo integral e 10% de farinha de centeio)

Confecção:
Coloque todos os ingredientes na cuba da máquina de fazer pão e seleccione o programa "Integral". Se não tiver este programa utilize o programa "Pão Básico".
No final ,quando o pão estiver pronto, retire o pão da cuba e deixe-o arrefecer em cima de uma rede.

Bom apetite!

Nota:
Não se esqueça que se utilizar farinhas que não sejam especialmente preparadas com sal e fermento para a MFP (como as que costumo usar), deve adicionar 1/2 colher de chá de sal e 12g de fermento de padeiro (meio cubo) aos 500g de misturas de farinhas (250g de farinha de trigo, 200g de farinha de trigo integral e 50g de farinha de centeio)

Croissants

Fazer croissants não é uma coisa simples.
Mas pode ser simplificado com a ajuda da máquina de fazer pão. A máquina trabalha a massa, mas a tarefa de folhar a massa, somos nós que ficamos com ela.



Ingredientes:
250ml de leite
2 ovos
500g de farinha de trigo Pão Caseiro (usei da Nacional, que já tem sal e fermento de padeiro químico)
300g de manteiga à temperatura ambiente
60g de açúcar em pó

Confecção:
Colocar na máquina de fazer pão o leite, um ovo, a farinha e o açúcar.
Ligar a máquina no programa "Massa".
Quando a máquina apitar para juntar ingredientes extra (ao fim de alguns minutos), junte a manteiga.
Quando o programa terminar, coloque a massa no frigorífico durante 20m.
Ao fim deste tempo, coloque a massa na bancada de cozinha (que estará levemente salpicada com farinha, para a massa não colar à bancada) e utiliza um rolo de cozinha para esticar a massa, até esta ficar com cerca de 1cm de grossura.
Dobre a massa em 3, em formato envelope, e coloque novamente no frigorífico por mais 20m. Ao fim deste tempo repita esta operação novamente.
Irá fazer este procedimento de esticar a massa, dobrar e colocar no frigorífico durante 3 ou 4 vezes - é este o processo que permite folhar a massa.
Por fim, estique a massa para ficar com cerca de meio centímetro e corte a massa em triângulos.


Cada um dos triângulos enrolados dará origem a um croissant.


Coloque os croissants num tabuleiro untado com óleo em spray, pincele cada croissant com o outro ovo batido e leve ao forno,  pré-aquecido a 220ºC. Deixe cozer durante cerca de 15 a 20m.



Bom apetite!

Nota:
Não se esqueça que se utilizar farinhas que não sejam especialmente preparadas com sal e fermento para a MFP (como as que costumo usar), deve adicionar 1/2 colher de chá de sal e 12g de fermento de padeiro (meio cubo) aos 500g de farinha de trigo.

domingo, 15 de abril de 2012

Baguete Francesa

Continuo inspirada pela fantástica gastronomia da viagem a Paris do mês passado.
E por isso hoje fiz baguetes francesas, que não têm nada a ver com aquelas que são vendidas nos hipermercados. Bem, a única coisa que tem a ver é só mesmo o aspecto, mas mesmo assim... as baguetes francesas têm um aspecto mais artesanal.

É bastante fácil fazer baguetes francesas, com a ajuda da máquina de fazer pão e das farinhas preparadas que costumo utilizar, porque com estas farinhas o pão fica sempre bem. Já têm o sal e fermento na dose certa.


Ingredientes:
500g de farinha preparada, usei Pão Rústico da Nacional (já tem sal e fermento)
330ml de água morna

Confecção:
Colocar todos os ingredientes na cuba da máquina de fazer pão.
Escolher o programa "Massa".
Quando o programa terminar, retirar a massa para cima de uma bancada salpicada de farinha.
Dividir a massa em 2 porções, para se fazerem 2 baguetes, trabalhando cada uma das porções isoladamente.
Fazer um rolo com a massa, com a ajuda das mãos, em forma de baguete.


Colocar estes rolos de massa, num tabuleiro forrado com papel vegetal, e deixar levedar durante 30m.
Entretanto aqueça o forno a 220ºC.
Ao fim dos 30m de levedura, dar alguns golpes na massa com a faca e borrifar a massa com água, em spray (um borrifador de água das plantas).



Colocar o tabuleiro no forno, juntamente com um pirex com água (o vapor da água vai ajudar a formar a crosta)



Ao fim de 15m retire o pirex com a água de dentro do forno e deixe cozer mais 5 ou 10 m (até a crosta ficar dourada).
Ao fim deste tempo, vire as baguetes ao contrário (a parte de baixo passa a estar voltada para cima) e deixe cozer durante mais 5m.
Ao fim deste tempo, as baguetes estarão prontas!

Nota:
Não se esqueça que se utilizar farinhas que não sejam especialmente preparadas com sal e fermento para a MFP (como as que costumo usar), deve adicionar 1/2 colher de chá de sal e 12g de fermento de padeiro (meio cubo) aos 500g de farinha de trigo.

Bom apetite!
Blog Widget by LinkWithin
Pin It button on image hover