domingo, 30 de dezembro de 2012

Pãezinhos de Millet

Ultimamente só tenho feito bolas de pão individuais, para poder levar para o trabalho e comer ao lanche, mas também servem de acompanhamento das refeições.
Quem não gosta de molhar um pouco de pão num molho suculento que acompanhe o jantar? Eu adoro!

Hoje apresento-vos os pãezinhos de Millet. Encontrei este ingrediente num supermercado biológico onde costumo ir, e reconheci os grãos, que já tinha visto em certos pães de sementes de compra.

Pãezinhos de millet, milheto, milhete, painço
Pãezinhos de Millet

O Millet, também chamado de painço, milho miúdo, milheto ou milhete, é um cereal sem glúten de semente pequena, arredondada e normalmente de cor amarela, branca ou avermelhada.
É rico em nutrientes importantes para a nossa saúde (manganês, magnésio, fósforo e triptofano). Contém minerais, fibras, carboidratos e tem quase tantas proteínas como o trigo.

Embalagem de millet, milheto, milhete, painço
Embalagem de Millet

É um dos cereais com menor concentração de gorduras (só 3%), assim como a quinoa e a aveia, sendo esta gordura composta de ácidos gordos insaturados (insaturado significa que faz parte da "gordura" saudável que podemos consumir, como a do azeite, que ajuda a reduzir o colesterol). Tem um alto teor de ferro e ácido silícico (bom para a pele, unhas e cabelos).
É de fácil digestão e tem poucas calorias, fazendo bem aos ossos, sistema cardiovacular, reduz o colesterol, combate a fadiga, diabetes e previne cálculos biliares e o cancro, e melhora o funcionamento do intestino assim como ajuda a proporcionar uma sensação de saciedade, ajudando na perda de peso.

Utilizado na alimentação desde a pré-história,continua a ser um alimento importante em África, sendo conhecido por massango em Angola e por mexoeira em Moçambique.

É cozinhado como o arroz ( 2 porções de água para cada porção de cereal), e pode ser adicionado em saladas, na sopa, pães, bolos... sendo um cereal com aplicações muito diversificadas, tanto em pratos doces como salgados.
grãos de millet, milheto, milhete, painço
Grãos de Millet

E é a aplicação no pão que vos apresento, de forma bem simples, e que ajuda a melhorar a nossa saúde... vamos à receita?

Ingredientes:
320ml de água morna
500g de farinha Pão Caseiro da Nacional (já tem sal e fermento)
Grãos de Millet q.b

terça-feira, 25 de dezembro de 2012

Boas Festas!

Desejo-vos um Feliz Natal e um Próspero Ano Novo de 2013 cheio de Paz, Saúde e Amor!

segunda-feira, 24 de dezembro de 2012

Bolo Rainha

Um dos bolos que não pode faltar na mesa da Consoada é o Bolo Rei. Para quem não gosta de Bolo Rei, como é o caso da nossa casa, pode fazer um Bolo Rainha.
Sabia que pode adicionar chocolate a esta receita, para tornar o Bolo Rainha ainda mais apetitoso? É o chamado Bolo Rainha de Chocolate que já se vê à venda por aí.
Experimente adicionar umas gotas de chocolates (congeladas para aguentarem o tempo de confecção) quando se adicionares os ingredientes extra a meio do programa e verá que é uma boa sugestão.

Bolo Rainha
Bolo Rainha

Deixo-vos a receita do Bolo Rainha, para poderem confeccionar para este Natal...

Bom Natal a todos!

Ingredientes:
130 ml de leite morno
1 Colher sopa de açúcar
1 Colher sopa de mel
1 Colher de sopa de erva-doce
1 Colher de sopa de canela
2 Ovos
Raspa e sumo de ½ laranja
Raspa e sumo de ½ limão
500g de Farinha Nacional Pão Brioche

Rabanadas

Estamos quase no Natal e é tempo de relembrar as receitas típicas desta época, que podemos fazer à base de pão, como as Rabanadas que já publiquei noutros anos.
É sempre tempo de relembrar as receitas de Natal, por isso deixo-vos a receitas das Rabanadas.

Rabanadas, Fatias Douradas
Rabanadas

Caso já tenha fatias de pão em casa, poderá utilizá-las para fazer esta receita, senão pode sempre recorrer a uma receita de Pão Caseiro para fazer na MFP e depois fatiar para usar na receita.

Para fazer este Pão Caseiro de forma bem rápida, é só juntar 500g de farinha Pão Caseiro da Nacional com 320ml de água morna e programar Pão Básico.
Deixar arrefecer e fatiar.

Tendo então disponível o principal ingrediente para confeccionar a receita, vamos então ver como se fazem as Rabanadas (também conhecidas por Fatias Douradas):

Ingredientes:
1 l de leite
8 fatias de pão
6 ovos
6 colheres de sopa de açúcar
Casca de ½ limão
2 paus de canela
Óleo (para fritar)
Açúcar e canela q.b. (para polvilhar)

Preparação:
Ferva o leite com o açúcar, a casca de limão e os paus de canela. Deixe arrefecer e retire a casca de limão e os paus de canela.
Entretanto bata os ovos.
Depois de o leite já estar frio, passe as fatias de pão pelo leite e depois pelo ovo batido.
Frite as fatias de pão dos dois lados em óleo quente.
Escorra-as sobre papel absorvente e polvilhe com uma mistura de açúcar e canela.

Poderá regar as fatias douradas com uma calda de açúcar, se for da sua preferência.

Bom apetite!

segunda-feira, 17 de dezembro de 2012

Bolas de Pão Caseiro

Não sei se alguma vez publiquei por aqui a receita de bolas de pão caseiro, uma receita muito simples e fácil de fazer.
Estas bolas de pão caseiro são servidas como um pão individual à hora das refeições, ou podem ser utilizadas para fazer umas sandes.

Bola de Pão Caseiro
Bola de Pão Caseiro

Vamos à receita...

Ingredientes:
320ml de água morna
500g de farinha Pão Caseiro da Nacional (já tem sal e fermento)

Confecção:
Coloque a água e a farinha (já com o sal e fermento) na cuba da máquina de fazer pão.
Seleccione o programa "Massa" (cerca de 1h30m)
Findo este tempo, retire a massa para cima de uma bancada salpicada com farinha (para a massa não agarrar).
Divida a massa em 8 porções.

Massa de Bola de Pão Caseiro
Massa dividida em porções

Trabalhe cada uma das porções individualmente, e dê-lhes o formato de bola, com a ajuda das mãos.

Massa de Bola de Pão Caseiro
Bola de Pão Caseiro, em massa

Coloque as bolas num tabuleiro de ir ao forno, salpicado de farinha.
Coloque o tabuleiro dentro do forno, a 50ºC, durante 1h, para a massa poder crescer novamente.
Findo este tempo, aumente a temperatura do forno para 180ºC e deixe cozer durante 25m, ou até o pão ficar com cor dourada.

Bom apetite!

Nota:
Não se esqueça que se utilizar farinhas que não sejam especialmente preparadas com sal e fermento para a MFP (como as que costumo usar), deve adicionar 1/2 colher de chá de sal e 12g de fermento de padeiro (meio cubo).

terça-feira, 4 de dezembro de 2012

Passatempo Farinhas Nacional: Procura-se o melhor Doceiro de Portugal!

Adoro quando aparecem passatempos relacionados com a culinária!
Desta vez, é a Nacional que está a promover um passatempo com Farinhas da marca Nacional, para descobrir quem é o Melhor Doceiro de Portugal!


O que é preciso fazer?
Participe neste passatempo enviando as suas melhores receitas de doces ou bolos, que utilizem farinhas Nacional, acompanhados da fotografia das suas receitas, para se habilitar a fantásticos prémios!

Prémios:
Serão 
atribuídos, vales 
de 
desconto
 no
 valor 
de
 1€ 
(farinhas 
Nacional),
 num 
máximo 
de 
2.000 
unidades,
 a 
todas 
as
 participações
 válidas.

Será 
atribuído 1 
prémio por
 semana
,
 que consiste
 num 
workshop
 de 
pastelaria
 no 
Centro
 de
 Formação 
Profissional 
para 
o 
Sector Alimentar 
na 
Pontinha, 
onde 
poderão
 aprender 
várias 
técnicas
 de
 pastelaria
 com profissionais 
credenciados.
Todas
 as
 semanas
 será
 selecionada,
 pelo
 Júri
 da
 Nacional,
 1
 receita
 vencedora
 bem
 como
 um
 respectivo
 suplente
, caso
 o
 vencedor
 efetivo
 não
 possa 
usufruir 
do 
prémio.

Não se esqueça que para 
participar 
no 
passatempo
 é 
obrigatória 
a 
utilização
 de 
Farinhas
 Nacional
 (Para
Bolos,
 Extra
 Fina 
ou 
Usos 
Culinários)
 na 
confecção 
das
 receitas,
mencionando
 o 
nome 
da 
farinha
 utilizada
 na 
descrição 
dos 
ingredientes.

Participe no site Doceiro Nacional!

Leia o Regulamento para mais informações.

Nota:
Passatempo válido para Portugal.
Válido 
de 
26 
de 
Novembro 
a 
20 
de Dezembro de 2012.

sexta-feira, 30 de novembro de 2012

Pãezinhos com Sementes de Papoila

Continuando com o tópico de receitas de pãezinhos (carcaças, papo-secos, ou como lhe queiram chamar - dependendo da zona), trago-vos ainda a receita de Pãezinhos com Sementes de Papoila.

Pãezinhos de Sementes de Papoila
Pãezinhos de Sementes de Papoila

É a partir da Papoila (ou Papoula), uma planta da família Papaveraceae, que se extrai o ópio, no entanto as suas sementes são amplamente utilizadas na culinária.

papoilas
Papoilas (fonte: wikipedia)

Mas o ópio não é ilegal? Porque existem à venda estas sementes?
O ópio (narcótico) é extraído dos bolbos da planta ainda verde, enquanto que a especiaria é retirada quando a planta já está seca. Comparando a quantidade de ópio existente numa semente com a quantidade existente no bolbo, a semente contém um nível muito baixo de ópio e por isso não é prejudicial o seu consumo. Daí que, para culinária, é permitido o seu uso e sua venda. Em Portugal estão à venda na secção de produtos naturais de qualquer hipermercado, ou supermercado biológico.

A civilização Suméria (considerada a civilização mais antiga da humanidade) já utilizava estas sementes, assim como os Egípcios, cujos papiros que datam de 1550 AC referem a sua utilização como sedativo, no entanto muitas outras civilizações referem estas sementes como um remédio para ajudar a adormecer, promover a fertilidade e riqueza e ainda fornecer poderes mágicos de invisibilidade (juro que esta última parte é referida por Scott Cunningham (2004). Cunningham's Encyclopedia of Magical Herbs. Llewellyn. p. 211. ISBN 978-0-87542-122-3).

Estas sementes têm menos de um milímetro de comprimento e são necessária cerca de 3300 sementes para completarem 1 grama. São altamente nutritivas e menos alergénicas que outras sementes.

Factos interessantes:
A venda de sementes de papoila Papaver somniferum foi banida de Singapura, devido a ter no seu conteúdo  uma quantidade mínima de morfina, tendo sido também banidas da Arábia Saudita por questões religiosas e devido ao controlo anti-drogas. Nos Emirados Árabes Unidos, se um turista carregar consigo sementes de papoila, ficará preso. Por isso, cuidado com as viagens nestes países.

O consumo de sementes de papoila pode levar a casos de falsos positivos, em testes anti-droga, por causa de conter uma quantidade mínima de alcalóides de ópio (como a morfina e codeína), por isso se viajar, não consuma bolos nem pães com estas sementes.
Um exemplo, na ficção, de um teste falso positivo, ocorreu no episódio da série Seinfeld "The Shower Head", onde Elaine consumiu bolos com sementes de papoila.

(fonte: adaptado de artigo da wikipedia)

Com estas sementes pode:
Colocar em cima de pão, juntar aos cereais, adicionar em massas de pão ou bolos, comer com frutas e iogurte...

Sementes de Papoila
Sementes de Papoila

Sementes de Papoila
Embalagem de Sementes de Papoila
Informação nutricional (por 100g) das Sementes de Papoila:
Valor energético: 533Kcal / 2231 KJ
Proteínas: 18g
Hidratos de Carbono: 23,7g
Cálcio: 1448,4 mg (181% da DDR)
Ferro: 9,4 mg (87,1% da DDR)
Lípidos: 44,7g
Fibras Alimentares: 10g

DDR - Dose Diária Recomendada

Vamos à receita?

Ingredientes:
320ml de água morna
500g de farinha Pão Caseiro da Nacional (já tem sal e fermento)
Sementes de Papoila q.b

Confecção:
Coloque a água e a farinha (já com o sal e fermento) na cuba da máquina de fazer pão.
Seleccione o programa "Massa" (cerca de 1h30m)
Findo este tempo, retire a massa para cima de uma bancada salpicada com farinha (para a massa não agarrar).
Divida a massa em 8 porções.
Estique cada uma das porções e coloque sementes de papoila em cada uma das porções.
Feche a massa beliscando com os dedos a união da massa, e amasse um pouco cada porção de massa de pão, para que estas sementes se distribuam uniformemente pelo pãozinho, com as mãos.
Dê uma forma arredondada a cada uma das porções de massa de pão.
Deite um pouco de sementes de papoila na bancada e faça rolar a bola de pão sobre estas sementes. Isto fará com que o exterior do pão fique com sementes agarradas.

Pãezinhos de Sementes de Papoila
Pãezinhos de Sementes de Papoila

Coloque cada porção num tabuleiro, que possa ir ao forno, previamente salpicado com farinha.
Coloque o tabuleiro dentro do forno, a 50ºC, durante 1h, para a massa poder crescer novamente.
Findo este tempo, aumente a temperatura do forno para 180ºC e deixe cozer durante 25m, ou até o pão ficar com cor dourada.

Nota:
Não se esqueça que se utilizar farinhas que não sejam especialmente preparadas com sal e fermento para a MFP (como as que costumo usar), deve adicionar 1/2 colher de chá de sal e 12g de fermento de padeiro (meio cubo).

Pãezinhos com sementes de Chia

Pãezinhos de Sementes de Chia
Pãezinhos de Sementes de Chia
Trago-vos a receita de pãezinhos de sementes de chia... Não conhecem estas sementes? Fica já aqui uma breve descrição destas sementes, muito importantes na nossa alimentação.

Embalagem de Sementes de Chia
Embalagem de Sementes de Chia
Embalagem de Sementes de Chia
Embalagem de Sementes de Chia

A Salvia hispanica, popularmente chia, é uma planta herbácea da família das lamiáceas (assim como a linho e a sálvia), nativa da Guatemala e das regiões central e austral mexicanas (e Colômbia).
Existem registos históricos de que os astecas cultivavam o vegetal em tempos pré-colombianos no Códice Mendoza, datado do século XVI, documento no qual também se mencionava sua relevância agrícola à época.
Sendo mais conhecida pela sua semente, a qual é comercializada integralmente, moída ou em forma de óleo, a chia também é dona de folhas que podem ser aproveitadas para infusões. Ambos derivados, independente da forma, são tidos como ricas fontes de minerais, aminoácidos essenciais e ómega 3. É frequentemente enaltecido o seu potencial na prevenção de doenças cardiovasculares, diabetes e até tumores, além de auxiliar na perda de peso.

Sementes de Chia
Sementes de Chia

A semente de chia possui formato oval e "diâmetro" de aproximadamente 2 mm. É visivelmente a principal parte da planta em âmbitos comerciais e gastronómicos.

Características nutricionais
A semente de chia é, por vezes, considerada um alimento funcional dadas suas características compositivas. Seu efeito mucilaginoso (o de absorver e reter quantidade significativa de água, como um emulsificante), devido à alta concentração de fibras, torna a chia interessante para quem busca emagrecer, visto que pode intensificar a sensação de saciedade.

Vejamos a importância nutricional da semente de chia:
Ómega 3: A semente da chia é uma das mais ricas fontes conhecidas (tanto entre as vegetais quanto entre as animais) do ácido alfalinolênico, um dos ácidos gordos classificados como ómega 3.
Cálcio: cinco vezes a concentração do mineral encontrada no leite de vaca.
Magnésio: 100 gramas da semente de chia pode conter o mesmo que 200g do mineral presente em nozes ou 1,6 kg de bróculos, por si só considerados alimentos ricos neste nutriente.
Manganês e fósforo: 100 gramas de chia contêm 108% do manganês e 95% do fósforo recomendados para um adulto, numa dieta de 2.000 calorias/dia.
Proteínas: 15% da composição da chia é proteica, sendo seus aminoácidos, em conjunto, formadores de alto valor biológico. Apenas 28 gramas da semente fornecem 9% da proteína recomendada para um adulto, em média.
Fibras: a alta concentração de fibras alimentares (38 gramas a cada 100) faz da chia um aliado do emagrecimento e na boa digestão.
Antioxidantes: a presença do flavonoide kaempferol e, em menor quantidade, os ácidos cafeico e clorogénico presentes conferem à chia um efeito antioxidante.

(fonte: informação adaptada da Wikipedia)

Agora que conhecemos melhor os benefícios destas sementes, que podem ser ingeridas através do pão, misturadas em sopas, iogurtes ou mesmo na água (formando um gel), saladas, cereais...

Ingredientes:
320ml de água morna
500g de farinha Pão Caseiro da Nacional (já tem sal e fermento)
Sementes de Chia q.b

Confecção:
Coloque a água e a farinha (já com o sal e fermento) na cuba da máquina de fazer pão.
Seleccione o programa "Massa" (cerca de 1h30m)
Findo este tempo, retire a massa para cima de uma bancada salpicada com farinha (para a massa não agarrar).
Divida a massa em 8 porções.
Estique cada uma das porções e coloque sementes de chia em cada uma das porções.
Feche a massa beliscando com os dedos a união da massa, e amasse um pouco cada porção de massa de pão, para que estas sementes se distribuam uniformemente pelo pãozinho, com as mãos.
Dê uma forma arredondada a cada uma das porções de massa de pão.
Deite um pouco de sementes de chia na bancada e faça rolar a bola de pão sobre estas sementes. Isto fará com que o exterior do pão fique com sementes agarradas.

Pãezinhos de Sementes de Chia
Pãezinhos de Sementes de Chia
Coloque cada porção num tabuleiro, que possa ir ao forno, previamente salpicado com farinha.
Coloque o tabuleiro dentro do forno, a 50ºC, durante 1h, para a massa poder crescer novamente.
Findo este tempo, aumente a temperatura do forno para 180ºC e deixe cozer durante 25m, ou até o pão ficar com cor dourada.

Nota:
Não se esqueça que se utilizar farinhas que não sejam especialmente preparadas com sal e fermento para a MFP (como as que costumo usar), deve adicionar 1/2 colher de chá de sal e 12g de fermento de padeiro (meio cubo).

Esfiha de Rissol

Esfirra ou esfiha é uma massa de pão assada no forno, com diversos recheios, originária do Líbano e da Síria, mas também encontrada noutros países do Médio Oriente.

E foi com base no conceito de esfiha, que adaptei à culinária portuguesa, envolvendo rissóis que sobraram de uma refeição. Apesar dos salgadinhos serem óptimos petiscos, mesmo frios, ao serem envolvidos tornam-se uma reinvenção da arte de cozinhar.


Esfiha de Rissol
Esfiha de Rissol
Esfiha de Rissol
Esfiha de Rissol

A culinária é mesmo isso, não só saber fazer receitas que já existem, mas também reinventar receitas com outros ingredientes que tenhamos disponíveis.

Deixo-vos a receita da Esfiha de Rissol.

Ingredientes:
320ml de água morna
500g de farinha Pão Caseiro da Nacional (já tem sal e fermento)
8 Rissóis já fritos, que tenham sobrado de uma refeição.

Confecção:
Coloque a água e a farinha (já com o sal e fermento) na cuba da máquina de fazer pão.
Seleccione o programa "Massa" (cerca de 1h30m)
Findo este tempo, retire a massa para cima de uma bancada salpicada com farinha (para a massa não agarrar).
Divida a massa em 8 porções.
Estique cada uma das porções e coloque no centro de cada porção um rissol.

Esfiha de Rissol
Esfiha de Rissol

Feche a massa com os dedos, apertando no ponto de união da massa.

Esfiha de Rissol
Esfiha de Rissol

Coloque cada porção num tabuleiro, que possa ir ao forno, previamente salpicado com farinha.
Coloque o tabuleiro dentro do forno, a 50ºC, durante 1h, para a massa poder crescer novamente.

Findo este tempo, aumente a temperatura do forno para 180ºC e deixe cozer durante 25m, ou até o pão ficar com cor dourada.

Nota:
Não se esqueça que se utilizar farinhas que não sejam especialmente preparadas com sal e fermento para a MFP (como as que costumo usar), deve adicionar 1/2 colher de chá de sal e 12g de fermento de padeiro (meio cubo).

Bom apetite!

Pão com Chouriço

Pão com chouriço na MFP, máquina de fazer pão
Pão com Chouriço

Tenho andado meio desaparecida aqui do blog, devido a doença prolongada da minha sogra, internada há vários meses e que acabou por falecer esta semana, numa batalha perdida contra o cancro. Acabo de regressar do seu funeral.
Aqui lhe presto a minha homenagem, a uma grande mulher batalhadora, amiga e sempre com um sorriso nos lábios.

Uma das receitas feitas neste mês é um simples pão com chouriço, que acho que nunca publiquei aqui.
É bastante simples de fazer e é um dos pães mais gostosos que existem!

Ingredientes:
320ml de água morna
500g de farinha Pão Caseiro da Nacional (já tem sal e fermento)
1 chouriço cortado aos bocados, sem pele

Confecção:
Coloque a água e a farinha, pela ordem indicada, na cuba da máquina de fazer pão.
Seleccione o programa Pão Básico, cor média e peso 750g.
Quando a máquina apitar, adicione o chouriço.
Quando o pão estiver pronto, desenforme e deixe arrefecer sobre uma grelha, para não acumular humidade.

Bom apetite!

Nota:
Se usar farinha normal, não se esqueça de adicionar 1/2 colher de chá de sal e 12g de fermento de padeiro.

quinta-feira, 1 de novembro de 2012

Recebi um Miminho da Margão: Kits de Receitas Inspiradoras Margão

Venho mostrar-vos o miminho que recebi da Margão: 4 kits de Receitas Inspiradoras Margão (Caril de Frango, Carne de Porco com Maçã e Ervas Aromáticas, Carne de Vaca com Ervas do Mediterrâneo e Frango com Alecrim Mel e Limão) acompanhadas das respectivas receitas (que aparecem na parte de trás de cada embalagem).
Estes kits têm especiarias pré-doseadas, necessárias para confeccionar a refeição, indicada para 4 pessoas.

Kits de Especiarias Margão: Receitas Inspiradoras
Kits de Receitas Inspiradoras Margão

Até agora ainda só confeccionei a receita do Frango com Alecrim, Mel e Limão, mas posso já dizer que esta é uma receita muito económica (total de cerca de 3€ por pessoa) e que nos permite usar outras especiarias para além daquelas que habitualmente usamos. Desta forma podemos descobrir a existência de outros sabores.
De acordo com o Continente Online, cada kit custa 1,99€.

A receita de Frango com Alecrim, Mel e Limão, partilho no meu outro blog Qb Receitas, de receitas tradicionais de tacho, fogão, forno, etc.
Vejam só como ficou! Nhami!

Frango com Alecrim Mel e Limão kit Margão
Frango com Alecrim, Mel e Limão

Obrigada Margão, gostei imenso (e o meu maridão também)!

Já conheciam estes Kits de Receitas?

segunda-feira, 29 de outubro de 2012

Pão com salsicha

Certamente que já comeu Pão com Chouriço, no qual o chouriço é colocado dentro do pão e vai assim a cozer.
No entanto, também é possível colocar salsichas dentro do pão, e fazer desta forma um lanche de pão recheado.

Fique com a sugestão.
Pão com salsicha

Ingredientes:
320ml de água morna
500g de farinha Pão Caseiro da Nacional (já tem sal e fermento)
1 lata de 8 salsichas

Confecção:
Coloque a água e a farinha (já com o sal e fermento) na cuba da máquina de fazer pão.
Seleccione o programa "Massa" (cerca de 1h30m)
Findo este tempo, retire a massa para cima de uma bancada salpicada com farinha (para a massa não agarrar).
Divida a massa em 8 porções.
Estique cada uma das porções e coloque no centro de cada porção 1 salsicha.

Feche a massa beliscando com os dedos a união da massa, e coloque a união da massa virada para baixo.
Coloque cada porção num tabuleiro, que possa ir ao forno, previamente salpicado com farinha.
Coloque o tabuleiro dentro do forno, a 50ºC, durante 1h, para a massa poder crescer novamente.




Findo este tempo, aumente a temperatura do forno para 180ºC e deixe cozer durante 25m, ou até o pão ficar com cor dourada.

Nota:
Não se esqueça que se utilizar farinhas que não sejam especialmente preparadas com sal e fermento para a MFP (como as que costumo usar), deve adicionar 1/2 colher de chá de sal e 12g de fermento de padeiro (meio cubo).

domingo, 28 de outubro de 2012

Pãezinhos de Chouriço e Alho

Já alguma vez experimentou comer chouriço com alho? Não? Fique sabendo que são dois ingredientes que combinam muito bem um com o outro e, claro, com o pão.

Fique com a sugestão!

Pãezinhos de Chouriço e Alho

Ingredientes:
320ml de água morna
500g de farinha Pão Caseiro da Nacional (já tem sal e fermento)
1 chouriço cortado em rodelas
Alho picado q.b.

Confecção:
Coloque a água e a farinha (já com o sal e fermento) na cuba da máquina de fazer pão.
Seleccione o programa "Massa" (cerca de 1h30m)
Findo este tempo, retire a massa para cima de uma bancada salpicada com farinha (para a massa não agarrar).
Divida a massa em 8 porções.
Estique cada uma das porções e coloque no centro o chouriço cortado às rodelas e alho picado.

Feche a massa beliscando com os dedos a união da massa, e coloque a união da massa virada para baixo.
Coloque cada porção num tabuleiro, que possa ir ao forno, previamente salpicado com farinha.
Coloque o tabuleiro dentro do forno, a 50ºC, durante 1h, para a massa poder crescer novamente.


Findo este tempo, aumente a temperatura do forno para 180ºC e deixe cozer durante 25m, ou até o pão ficar com cor dourada.

Nota:
Não se esqueça que se utilizar farinhas que não sejam especialmente preparadas com sal e fermento para a MFP (como as que costumo usar), deve adicionar 1/2 colher de chá de sal e 12g de fermento de padeiro (meio cubo).

Bom apetite!

sábado, 27 de outubro de 2012

Pãezinhos Doces de Canela

Quem não gosta do aroma perfumado da Canela?
Cá por casa somos fãs de tudo o que leve canela e desta forma, porque não perfumar o pão com canela?

Pãozinho doce de canela

Ingredientes:
320ml de água morna
500g de farinha Pão Caseiro da Nacional (já tem sal e fermento)
2 colheres de sopa de açúcar
2 colheres de sopa de canela em pó q.b

Confecção:
Coloque a água e a farinha (já com o sal e fermento), juntamente com o açúcar e a canela, na cuba da máquina de fazer pão.
Seleccione o programa "Massa" (cerca de 1h30m)
Findo este tempo, retire a massa para cima de uma bancada salpicada com farinha (para a massa não agarrar).
Divida a massa em 8 porções.
Estique cada uma das porções e dê uma forma arredondada a cada uma das porções de massa de pão.
Coloque cada porção num tabuleiro, que possa ir ao forno, previamente salpicado com farinha.
Coloque o tabuleiro dentro do forno, a 50ºC, durante 1h, para a massa poder crescer novamente.
Findo este tempo, polvilhe cada bolinha com um pouco de açúcar e aumente a temperatura do forno para 180ºC.
Deixe cozer durante 25m, ou até o pão ficar com cor dourada.

Nota:
Não se esqueça que se utilizar farinhas que não sejam especialmente preparadas com sal e fermento para a MFP (como as que costumo usar), deve adicionar 1/2 colher de chá de sal e 12g de fermento de padeiro (meio cubo).

quinta-feira, 25 de outubro de 2012

Pãezinhos de Sementes de Linhaça e Sésamo

Continuando com as sugestões de pãezinhos que pode fazer, trago-lhe a receita de pãezinhos de sementes de Linhaça e Sésamo.


Ingredientes:
320ml de água morna
500g de farinha Pão Caseiro da Nacional (já tem sal e fermento)
Sementes de Linhaça q.b
Sementes de Sésamo q.b.

Confecção:
Coloque a água e a farinha (já com o sal e fermento) na cuba da máquina de fazer pão.
Seleccione o programa "Massa" (cerca de 1h30m)
Findo este tempo, retire a massa para cima de uma bancada salpicada com farinha (para a massa não agarrar).
Divida a massa em 8 porções.
Estique cada uma das porções e coloque sementes de linhaça e de sésamo em cada uma das porções.
Feche a massa beliscando com os dedos a união da massa, e amasse um pouco cada porção de massa de pão, para que estas sementes se distribuam uniformemente pelo pãozinho, com as mãos.
Dê uma forma arredondada a cada uma das porções de massa de pão.
Deite um pouco de sementes de linhaça e de sésamo na bancada e faça rolar a bola de pão sobre estas sementes. Isto fará com que o exterior do pão fique com sementes agarradas.


Coloque cada porção num tabuleiro, que possa ir ao forno, previamente salpicado com farinha.
Coloque o tabuleiro dentro do forno, a 50ºC, durante 1h, para a massa poder crescer novamente.
Findo este tempo, aumente a temperatura do forno para 180ºC e deixe cozer durante 25m, ou até o pão ficar com cor dourada.

Nota:
Não se esqueça que se utilizar farinhas que não sejam especialmente preparadas com sal e fermento para a MFP (como as que costumo usar), deve adicionar 1/2 colher de chá de sal e 12g de fermento de padeiro (meio cubo).

domingo, 30 de setembro de 2012

Pãezinhos de Cominhos

Os cominhos são especiarias com um sabor diferente, algo entre a pimenta e o anis, cativando muitos adeptos. O seu aroma é intenso e seu gosto acre é levemente amargo

Cominhos


Planta muito antiga sendo utilizada por várias civilizações, desde os celtas antigos, passando pelos romanos e chegando aos árabes. Na Turquia também é muito utilizada, principalmente em licores e na própria alimentação.

Os romanos empregavam como pimenta; já os celtas temperavam seus peixes e os árabes usavam como condimento para diversos pratos; os alemães moem seus grãos junto com grãos de trigo, fazendo uma farinha especial para a produção de pães condimentados.
São de origem do Mediterrâneo Oriental e do Egipto, embora hoje em dia serem cultivados na África do Norte e nos Países do Médio Oriente, Índia e México.

Se aprecia esta especiaria, então esta receita de Pãezinhos de Cominhos é para si.

Pãozinho de Cominhos

Ingredientes:
320ml de água morna
500g de farinha Pão Caseiro da Nacional (já tem sal e fermento)
Cominhos em pó q.b

Confecção:
Coloque a água e a farinha (já com o sal e fermento) na cuba da máquina de fazer pão.
Seleccione o programa "Massa" (cerca de 1h30m)
Findo este tempo, retire a massa para cima de uma bancada salpicada com farinha (para a massa não agarrar).
Divida a massa em 8 porções.
Estique cada uma das porções e polvilhe um pouco de cominhos em cada uma das porções.
Feche a massa beliscando com os dedos a união da massa.
Dê uma forma arredondada a cada uma das porções de massa de pão.
Coloque cada porção num tabuleiro, que possa ir ao forno, previamente salpicado com farinha.
Coloque o tabuleiro dentro do forno, a 50ºC, durante 1h, para a massa poder crescer novamente.
Findo este tempo, aumente a temperatura do forno para 180ºC e deixe cozer durante 25m, ou até o pão ficar com cor dourada.

Nota:
Não se esqueça que se utilizar farinhas que não sejam especialmente preparadas com sal e fermento para a MFP (como as que costumo usar), deve adicionar 1/2 colher de chá de sal e 12g de fermento de padeiro (meio cubo).

sábado, 29 de setembro de 2012

Pãezinhos de Orégãos

Os orégãos são uma erva aromática que normalmente acompanha petiscos de caracóis, pizzas, molhos de tomate, caldeiradas e noutros pratos da cozinha mediterrânica.

Orégãos


Tem uma alta actividade antioxidante, devido à presença de ácido fenólico e flavonóides. Adicionalmente tem propriedades antimicrobianas contra bactérias como Listeria monocytogenes e contra outros agentes patogénicos presentes nos alimentos, o que faz com que ajude a preservar alimentos.

Pãozinho de Orégãos

Depois de conhecer melhor os Orégãos, vamos à receita...

Ingredientes:
320ml de água morna
500g de farinha Pão Caseiro da Nacional (já tem sal e fermento)
Orégãos q.b

Confecção:
Coloque a água e a farinha (já com o sal e fermento) na cuba da máquina de fazer pão.
Seleccione o programa "Massa" (cerca de 1h30m)
Findo este tempo, retire a massa para cima de uma bancada salpicada com farinha (para a massa não agarrar).
Divida a massa em 8 porções.
Estique cada uma das porções e coloque orégãos em cada uma das porções.
Feche a massa beliscando com os dedos a união da massa, e amasse um pouco cada porção de massa de pão, para que os orégãos se distribuam uniformemente pelo pãozinho, com as mãos.
Dê uma forma arredondada a cada uma das porções de massa de pão.
Deite um pouco de orégãos na bancada e faça rolar a bola de pão sobre os orégãos. Isto fará com que o exterior do pão fique com orégãos agarrados.
Coloque cada porção num tabuleiro, que possa ir ao forno, previamente salpicado com farinha.

Pãozinho de Orégãos crú

Coloque o tabuleiro dentro do forno, a 50ºC, durante 1h, para a massa poder crescer novamente.
Findo este tempo, aumente a temperatura do forno para 180ºC e deixe cozer durante 25m, ou até o pão ficar com cor dourada.

Nota:
Não se esqueça que se utilizar farinhas que não sejam especialmente preparadas com sal e fermento para a MFP (como as que costumo usar), deve adicionar 1/2 colher de chá de sal e 12g de fermento de padeiro (meio cubo).

Pãezinhos de Cebolinho

Já utilizei cebolinho seco noutras receitas e gosto de o usar.
Dá um sabor mais ousado ao pão, talvez comparável ao pão de alho, mas com um sabor completamente intenso ao qual não ficamos indiferentes. Ou se ama, ou se odeia.

Pãozinho de Cebolinho

O cebolinho seco aparece no hipermercado junto das especiarias. Nestas receitas prefiro não usar o cebolinho fresco, porque tem uma quantidade indefinida de água, que altera o sucesso da receita. Ao usar como especiaria seca, a quantidade de água não irá ser alterada e tudo correrá pelo melhor.
Outros factores influenciam o sucesso de uma receita com a máquina de fazer pão, como a marca: as marcas diferem no modo como a massa é batida, amassada, umas máquinas levedam mais tempo, outras menos.
Outro factor relevante é o clima. Num clima seco, a farinha será um ingrediente que conterá menos humidade que nos países onde haja uma maior percentagem de humidade no ar, no qual a farinha também já terá uma certa humidade, imperceptível ao olho humano, mas que faz variar os ingredientes.
Lembre-se sempre, que ao seguir uma receita, se não lhe sair bem, ajuste a quantidade de líquido presente na receita: se o pão abate no centro ao cozer, da próxima vez reduza um pouco a quantidade de água.

Depois destas informações úteis sobre o porquê de as receitas não saírem sempre bem, vamos à receita dos pãezinhos de cebolinho.

Ingredientes:
320ml de água morna
500g de farinha Pão Caseiro da Nacional (já tem sal e fermento)
Cebolinho seco picado q.b

Confecção:
Coloque a água e a farinha (já com o sal e fermento) na cuba da máquina de fazer pão.
Seleccione o programa "Massa" (cerca de 1h30m)
Findo este tempo, retire a massa para cima de uma bancada salpicada com farinha (para a massa não agarrar).
Divida a massa em 8 porções.
Estique cada uma das porções e coloque cebolinho em cada uma das porções.
Feche a massa beliscando com os dedos a união da massa, e amasse um pouco cada porção de massa de pão, para que o cebolinho se distribua uniformemente pelo pãozinho, com as mãos.
Dê uma forma arredondada a cada uma das porções de massa de pão.
Deite um pouco de cebolinho na bancada e faça rolar a bola de pão sobre o cebolinho. Isto fará com que o exterior do pão fique com cebolinho grudado.
Coloque cada porção num tabuleiro, que possa ir ao forno, previamente salpicado com farinha.

Pãozinho de Cebolinho crú

Coloque o tabuleiro dentro do forno, a 50ºC, durante 1h, para a massa poder crescer novamente.
Findo este tempo, aumente a temperatura do forno para 180ºC e deixe cozer durante 25m, ou até o pão ficar com cor dourada.

Nota:
Não se esqueça que se utilizar farinhas que não sejam especialmente preparadas com sal e fermento para a MFP (como as que costumo usar), deve adicionar 1/2 colher de chá de sal e 12g de fermento de padeiro (meio cubo).


sexta-feira, 28 de setembro de 2012

Pãezinhos de Morangos Desidratados

No outro dia andava às compras e encontrei à venda, na secção dos frutos secos, morangos desidratados.
Fiquei curiosa e comprei um pacotinho. Fiquei agradavelmente surpreendida, porque o morango desidratados é como se fosse uma fruta cristalizada, com um sabor mais acentuado e doce. Gostei!

Morangos desidratados

E por isso, fiz vários pãezinhos com os morangos desidratados, para comer ao lanche.

Pãozinho de Morangos Desidratados

Vamos à receita!

Ingredientes:
320ml de água morna
500g de farinha Pão Caseiro da Nacional (já tem sal e fermento)
Morangos desidratados q.b

Confecção:
Coloque a água e a farinha (já com o sal e fermento) na cuba da máquina de fazer pão.
Seleccione o programa "Massa" (cerca de 1h30m)
Findo este tempo, retire a massa para cima de uma bancada salpicada com farinha (para a massa não agarrar).
Divida a massa em 8 porções.
Estique cada uma das porções e coloque alguns morangos desidratados em cada uma das porções.
Feche a massa beliscando com os dedos a união da massa, e amasse um pouco cada porção de massa de pão, para que os morangos se distribuam pelo pãozinho, com as mãos.
Dê uma forma arredondada a cada uma das porções de massa de pão.
Coloque cada porção num tabuleiro, que possa ir ao forno, previamente salpicado com farinha.
Coloque o tabuleiro dentro do forno, a 50ºC, durante 1h, para a massa poder crescer novamente.
Findo este tempo, aumente a temperatura do forno para 180ºC e deixe cozer durante 25m, ou até o pão ficar com cor dourada.

Nota:
Não se esqueça que se utilizar farinhas que não sejam especialmente preparadas com sal e fermento para a MFP (como as que costumo usar), deve adicionar 1/2 colher de chá de sal e 12g de fermento de padeiro (meio cubo).

sexta-feira, 31 de agosto de 2012

Pãezinhos Recheados de Sardinha, Cebola e Tomate

Depois de ter feito a receita dos Pãezinhos de Sardinha e Tomate, desta vez fiz uma variação desta receita, com a adição de um ingrediente extra: cebola!

É muito fácil de fazer e serve de lanche já preparado com recheio.
Melhor que isso, é o sabor: é muito saboroso!

Pãezinhos Recheados de Sardinha, Cebola e Tomate
Pãezinhos Recheados de Sardinha, Cebola e Tomate
Como sempre, gosto de falar um pouco sobre um dos ingredientes da receita. Nesta receita, escolhi falar um pouco da cebola.
A cebola é um bolbo de cor castanha, branca ou roxa, e coberto por uma casca fina e esfolhada. Apesar da sua aparência simples, a cebola destaca-se pelo seu sabor intenso.

As cebolas apresentam-se numa grande gama de tamanhos, cores e gosto, dependendo da sua variedade, e são um dos mais antigos legumes conhecidos da humanidade, apresentando benefícios para a saúde, tais como no caso de afecções respiratórias, asma brônquica, arteriosclerose, afecções coronárias, reduz os níveis de triglicéridos, afecções renais, diabetes, afecções hepáticas, cancro de estômago, etc.

Por isso já sabe, não deixe este ingrediente de fora da sua alimentação.

Morfologia da Cebola
[Fonte: KDFrutas]


Vamos à receita...

Ingredientes:
320ml de água morna
500g de farinha Pão Caseiro da Nacional (já tem sal e fermento)
1 lata de sardinhas de conserva, em tomate
1 Cebola picada

Confecção:
Coloque a água e a farinha (já com o sal e fermento) na cuba da máquina de fazer pão.
Seleccione o programa "Massa" (cerca de 1h30m)
Findo este tempo, retire a massa para cima de uma bancada salpicada com farinha (para a massa não agarrar).
Divida a massa em 8 porções.
Estique cada uma das porções e coloque no centro 2 sardinhas, com um pouco de molho de tomate que acompanha as sardinhas em lata e um pouco de cebola picada.



Feche a massa beliscando com os dedos a união da massa, e coloque a união da massa virada para baixo.
Coloque cada porção num tabuleiro, que possa ir ao forno, previamente salpicado com farinha.
Coloque o tabuleiro dentro do forno, a 50ºC, durante 1h, para a massa poder crescer novamente. Dê alguns golpes na superfície dos pãezinhos.

Findo este tempo, aumente a temperatura do forno para 180ºC e deixe cozer durante 25m, ou até o pão ficar com cor dourada.

Nota:
Não se esqueça que se utilizar farinhas que não sejam especialmente preparadas com sal e fermento para a MFP (como as que costumo usar), deve adicionar 1/2 colher de chá de sal e 12g de fermento de padeiro (meio cubo).

Bom apetite!

quinta-feira, 30 de agosto de 2012

Pãezinhos de Atum, Cebola e Azeite

Para quem gostou dos Pãezinhos de Atum e Azeite, tenho para partilhar uma variante desta receita: Pãezinhos de Atum, Cebola e Azeite.

Pãozinho de Atum, Cebola e Azeite

Quem aprecia atum, aprecia certamente a mistura de sabores da cebola picadinha misturada com o atum. O sabor é perfeito!

Vamos então à receita...

Ingredientes:
320ml de água morna
500g de farinha Pão Caseiro da Nacional (já tem sal e fermento)
2 latas de atum conservado em Azeite
1 cebola, picada

Confecção:
Coloque a água e a farinha (já com o sal e fermento) na cuba da máquina de fazer pão.
Seleccione o programa "Massa" (cerca de 1h30m)
Findo este tempo, retire a massa para cima de uma bancada salpicada com farinha (para a massa não agarrar).
Divida a massa em 8 porções.
Retire o atum da latas e coloque numa taça, juntamente com o azeite. Desfaça o atum com um garfo. Junte a cebola picada.
Estique cada uma das porções e coloque uma porção de atum, cebola e azeite em cada uma delas.


Feche a massa, unindo as pontas com os dedos, e dando o formato de bolinhas.
Coloque cada porção num tabuleiro, que possa ir ao forno, previamente salpicado com farinha.
Coloque o tabuleiro dentro do forno, a 50ºC, durante 1h, para a massa poder crescer novamente. Dê alguns golpes na superfície dos pãezinhos.



Findo este tempo, aumente a temperatura do forno para 180ºC e deixe cozer durante 25m, ou até o pão ficar com cor dourada.

Nota:
Não se esqueça que se utilizar farinhas que não sejam especialmente preparadas com sal e fermento para a MFP (como as que costumo usar), deve adicionar 1/2 colher de chá de sal e 12g de fermento de padeiro (meio cubo).

Bom apetite!
Blog Widget by LinkWithin
Pin It button on image hover