quinta-feira, 28 de outubro de 2010

Croissants de Chocolate Branco e de Chocolate de Leite

Croissant é uma palavra francesa, que significa crescente. Identifica um pão característico, de massa folhada em formato de meia-lua, feito de farinha, açúcar, sal, leite, fermento, manteiga e ovo para pincelar. Mas há quem faça sem ser com massa folhada.


E agora um pouco sobre a história da origem do croissant:
Sua origem é atribuída aos padeiros de Viena. Segundo a tradição, em 1683 (Batalha de Viena), enquanto trabalhavam à noite, estes ouviram o barulho que o inimigo otomano fazia ao cavar um túnel, e ao dar o alarme sobre o que estava acontecendo, conseguiram impedir o êxito do ataque. O formato em crescente seria alusivo à bandeira do Império Otomano. Os franceses ainda hoje chamam este tipo de pão amanteigado de 'viennoiserie’.

Alguns pesquisadores atribuem sua invenção ao comerciante vienense de origem polaca Franz Georg Kolchitsky que vivia em Constantinopla. Esse homem conheceu o café nessa cidade em 1475 e, com cerca de 500 sacas do produto abandonadas pelos Turcos após derrota em batalha, abriu um "café" onde passou a servir a bebida. Aí, para acompanhar o café, inventou esse pão em formato de crescente.

Maria Antonieta, originária de Viena, introduziu e popularizou o croissant na França, a partir de 1770, onde hoje é um elemento tradicional do desjejum matinal com uma boa chávena de café com leite. Os nutricionistas recomendam moderação, no entanto, pois contém metade de seu peso em lipídios.
Fonte: wikipedia

E assim fiz uma receita de croissants na MFP, com base na receita apresentada no blog EuMulher.
Leva uma quantidade enorme de gordura, por isso, apesar de ter resultado numa receita deliciosa, é um pecado comer croissants com uma quantidade tão grande de calorias.
É para comer, mas com muita moderação, senão lá se vai a linha!


Deixo uma dica para comer os croissants como se fossem acabados de fazer: se os croissants sobrarem e durarem mais que um dia, no dia seguinte já deverão estar mais rijinhos. Por isso, coloque durante 30s no microondas antes de os comer, para amolecerem e derreterem o chocolate do seu recheio. Fiz isso e parecia que ainda estavam melhores que no 1º dia!

Ingredientes da Massa:
350 g de farinha Pão Caseiro da Nacional
25 g de açúcar mascavado (ou amarelo)
120 ml de leite morno
1 ovo batido
170 g de manteiga (usei Vaqueiro)
1 ovo batido (para pincelar)
Óleo Espiga em spray (para untar a forma)

Ingredientes para Rechear:
1 barra de chocolate de leite
1 barra de chocolate branco

Confecção:
Colocar os ingredientes da massa na cuba da máquina de fazer pão, pela ordem indicada, e use o programa Massa.
Quando o ciclo terminar, estique a massa na bancada de cozinha com o rolo de cozinha, corte em triângulos e coloque um quadrado de chocolate na zona maior de cada triângulo.


Enrole os triângulos de modo a dar a forma de croissant.
Coloque numa forma untada com Óleo Espiga em spray e pincele com o ovo batido.


Deixe fermentar até a massa duplicar de volume.
Levar a forno pré-aquecido a 200ºC até alourarem.

segunda-feira, 25 de outubro de 2010

Promoção Farinhas Nacional Para Pão no Intermarché!



A nossa querida leitora tostão (muito obrigada!), deixou a informação de que há uma promoção no Intermarché com as farinhas pré-preparadas para pão da Nacional:
Estão a 1,49€ até dia 26 (inclusivé)!

Toca a aproveitar!

Podem consultar o folheto, se quiserem.

quinta-feira, 21 de outubro de 2010

Pizza Caseira

De vez em quando fazemos cá em casa umas pizzas, bem ao nosso gosto, e é bem mais económico que comprar já feitas.

Desta vez peguei numa receita de pizza para a Bimby e adaptei-a à máquina de fazer pão e ainda, usei a farinha Pão Caseiro da Nacional. Não fico muito convencida ao fazer a massa de pizza na Bimby, porque mistura os ingredientes e não dá tempo para fermentar, enquanto que a máquina de fazer pão mistura tudo e deixa fermentar durante o tempo certo.
Saiu uma massa muito boa, como não podia deixar de ser!

Com Bacon:

Com Atum:

Ingredientes da Massa:
1 colher de chá de sal
50g de azeite
200g de água morna
400g de farinha Pão Caseiro da Nacional

Confecção:
Colocar os ingredientes pela ordem indicada na cuba da máquina de fazer pão.
Programar para usar o programa massa.
Findo o tempo, divida a massa em duas porções.
Trabalhe cada uma das porções individualmente: use um rolo de cozinha para esticar a massa no formato que desejar (circular ou rectangular).
Depois é só colocar os ingredientes a seu gosto ( por exemplo, espalhe polpa de tomate por cima da base da pizza, junte queijo ralado, junte atum e cebola picada e por cima um toque de orégãos.)
Levar a cozer a 220º durante 20m.
Colocar uma folha de papel de alumínio por cima se a pizza começar a querer queimar.

sexta-feira, 15 de outubro de 2010

Dia Mundial do Pão: 16 de Outubro

Estamos a escassas horas de chegar ao dia 16, Dia Mundial do Pão!


Nada melhor para comemorar este dia, com a inauguração de um novo espaço, completamente dedicado ao pão, no site das Farinhas Nacional, chamado Pão Quente em Casa.
Lá poderá encontrar informação sobre farinhas, receitas, a história do pão, links de interesse (blogs, fóruns, sites de máquinas de fazer pão...).
E já viram que este nosso blog receitasMFP foi seleccionado para fazer parte da lista de blogs favoritos da Nacional? Estou muito contente com este duplo reconhecimento.

Aproveito ainda para anunciar que hoje saiu a newsletter da Nacional, onde anunciam um passatempo: oferecem 2 máquinas de fazer pão! Basta escrever uma receita original confeccionada com as farinhas Nacional preparadas para fazer pão, no site oficial do passatempo

Fonte: Imagem retirada de Pão Quente em Casa.

Enroladinhos Rústicos de Canela

E para terminar a saga dos vários pratos que confeccionei de uma só vez com a Máquina de Fazer Pão, hoje revelo o último dos pratos: a sobremesa "Enroladinhos Rústicos de Canela".
Os restantes pratos que confeccionei foram as Empadas Rústicas de Carne (prato principal), Ovos Rústicos (entrada) e Maxi Grissinis Rústicos (antipasti), tudo feito com a Farinha para Pão Rústico da Nacional.



Então para confecccionar estes bolinhos faz-se assim..

Ingredientes:Massa restante das Empadas Rústicas de Carne (azeite Espiga, água e Farinha Pão Rústico da Nacional)
Açúcar
Canela

Confecção:
Com a massa restante da confecção das empadas, esticar a massa no formato de um rectângulo pequeno. Polvinhar com açúcar e canela.
Enrolar como se fosse uma mini-torta.
Polvilhar com mais açúcar e canela.



Colocar num tabuleiro untado (aproveitei o tabuleiro das empadas e levei ao forno ao mesmo tempo).
Levar a cozer no forno a 180ºC, enquanto as empadas da receita das Empadas Rústicas cozem.
Retirar ao fim de 10 a 15m, quando os enroladinhos estiverem a ficar corados.

segunda-feira, 11 de outubro de 2010

Maxi Grissinis Rústicos

No domingo passado, se calhar já nem se lembram, estive a fazer umas receitas novas com a farinha Rústica da Nacional e publiquei a receita das Empadas Rústicas de Carne e dos Ovos Rústicos.
Com a massa restante, fiz ainda mais duas receitas: outra entrada e a sobremesa.
Hoje revelo-vos a receita da outra entrada, um verdadeiro antipasti italiano!

Antipasti (plural de antipasto) é uma palavra italiana que designa o que se come antes da refeição, tal como nós chamamos de entradas, mas que inclui uma gastronomia diferente, normalmente acompanhada de azeite e vinagre balsâmico.

Assim, fiz uns grissinis (pauzinhos de pão) maiorzinhos e mais grossinhos para poder molhar num pratinho de azeite (usei o Azeite Seleccionado Espiga) misturado com vinagre balsâmico.
É delicioso!

Ingredientes:
Massa restante das Empadas Rústicas de Carne (azeite Espiga, água e Farinha Pão Rústico da Nacional)
Óregãos

Confecção:
Com a massa restante da confecção das empadas, fazer vários rolinhos de massa, e dar a forma de grissinis, mas mais grossos.
Dar uns golpes no topo da massa, com uma faca, e polvilhar com óregãos.
Ficarão com o seguinte aspecto, antes de ir ao forno:


Colocar num tabuleiro untado (aproveitei o tabuleiro das empadas e levei tudo ao forno ao mesmo tempo).
Levar a cozer no forno a 180ºC, enquanto as empadas da receita das Empadas Rústicas cozem.
Retirei ao fim de 10 a 15m, quando os maxi grissinis já estavam a ficar corados.




Aqui está metade de um Maxi Grissini, a acompanhar um Ovo Rústico:
 
 
Bom Apetite!

quinta-feira, 7 de outubro de 2010

Preços desta semana das Farinhas Preparadas para o Pão

Os únicos hipermercados que têm loja online, que eu saiba, são o Jumbo e o Continente.
Daí extraí a seguinte informação que vos apresento, que vos dá o resumo do preço das farinhas preparadas para o Pão, que aí se vendem, com o preço por kilo e o preço por embalagem.
Faço a comparação Nacional versus Branca de Neve.

No Jumbo e no Continente, a mais económica é a Farinha Nacional:


Farinha NACIONAL
Preparada P/pao Vitale
1 KG 



€1,98:Jumbo
€1,98/kg:Jumbo
€2,12:Continente
€2,12/kg:Continente

Farinha NACIONAL
Preparada P/pao Rústico
1 KG 



€1,72:Jumbo
€1,72/kg:Jumbo
€1,94:Continente
€1,94/kg:Continente

Farinha NACIONAL
Preparada P/pao Caseiro
1 KG 



€1,78:Jumbo
€1,78/kg:Jumbo
€1,94:Continente
€1,94/kg:Continente

Farinha NACIONAL
Para Pao+equilibrio
1 KG 



€2,05:Jumbo
€2,05/kg:Jumbo
€2,12:Continente
€2,12/kg:Continente


Farinha NACIONAL
Para Pao+completo
1 KG 


€1,94:Jumbo
€1,94/kg:Jumbo
€1,94:Continente
€1,94/kg:Continente


Farinha BRANCA DE NEVE
Prep.P/pao Brioche
500 G 



€1,19:Jumbo
€2,38/kg:Jumbo
€1,19:Continente
€2,38/kg:Continente

As restantes farinhas da Branca de Neve e Nacional não são passíveis de comparação, porque neste momento só se encontram à venda num dos hipermercados, por exemplo, a farinha Branca de Neve preparada para Pão Sementes só está à venda no Continente online (€0,99 por emb. 500 g, € 1,98 / kg) que é na mesma mais cara que a equivalente da Nacional, e a farinha Branca de Neve preparada para Pão Branco (€0,99 por emb. 500 g, € 1,98 / kg) que também é mais cara que a equivalente da Nacional.

Conclusão:
Olhando para os preços Branca de Neve versus Nacional, as farinhas mais baratas são as da Nacional e olhando para os preços Continente versus Jumbo, é no Jumbo que se encontram mais baratas.

terça-feira, 5 de outubro de 2010

Ovos Rústicos

No domingo, se bem se lembram, estive a fazer umas receitas novas com a farinha Rústica da Nacional e publiquei a receita das Empadas Rústicas de Carne, que fiz nesse dia para o jantar.
Com a massa restante, fiz mais coisas, que prometi revelar ao longo da semana.
Hoje, venho mostrar-vos a entrada que fiz com as sobras da massa: umas formas feitas com a massa confeccionada com a farinha do Pão Rústico da Nacional, e no seu interior ovo batido, que é a sobra do ovo que parti, para pincelar as empadas. Assim aproveitei tudo.



Ingredientes:
Ovo batido
Massa restante das Empadas Rústicas de Carne.(azeite Espiga, água e Farinha Pão Rústico da Nacional)
Sal
Óregãos

Confecção:
Com a massa restante da confecção das empadas, corte uns círculos que sirvam para forrar formas pequeninas que possam ir ao forno (usei duas formas de alumínio, para mim foi suficiente).

Untar as formas.
Juntar ao ovo batido uma pitada de sal.
Dividir o ovo batido pelas formas e polvilhar com um pouco de óregãos.
Ficará com o seguinte aspecto, antes de ir ao forno:


Levar a cozer no forno a 180ºC, enquanto as empadas da receita das Empadas Rústicas cozem.
Retirei ao fim de 10 a 15m, quando o ovo e massa já estavam a ficar corados.

Bom apetite!

Prendinhas Lusitana

Venho mostrar-vos o pacote que recebi da Lusitana, como prendinha de estar inserida na Lista dos Melhores Blogues de Culinária Portugueses.

Recebi uma caixa com produtos espiga: vários azeites, óleo alimentar, óleo em spray para untar formas (bastante original!) e ainda a revista Lusitana, com algumas sugestões gastronómicas.

Na receita das Empadas Rústicas de Carne, usei deste Óleo em Spray Espiga, para untar as formas das empadas e deu um jeitão! É muito fácil de usar.

Aqui está o pacote, onde são logo visíveis os azeites:



Abrindo o pacote...

Tirei o spray do óleo para vos mostrar como é...

E o óleo alimentar...

Este folheto mostra e descreve os azeites e os óleos que vinham no pacote (e com algumas receitas, hihihi! ):

E ainda... a Revista Lusitana!

Capa (dedicada ao Pão) e Contra-Capa (dedicada aos Azeites):

Estes Azeites que mandaram são de 3 categorias:
- Azeite Clássico Espiga: é o azeite tradicional com 0,7% de acidez máxima, que resulta de uma mistura de azeite refinado e azeite virgem
- Azeite Virgem Extra Espiga: é de categoria superior ao do anterior, também com 0,7% de acidez máxima, obtido directamente de azeitonas unicamente através de processos mecânicos, com um sabor frutado maduro e adocicado.
- Azeite Seleccionado Espiga: de categoria ainda superior ao anterior, com um grau de acidez de 0,4%, é um azeite aromático com um aroma frutado verde, levemente amargo e com notas de picante.

domingo, 3 de outubro de 2010

Empadas Rústicas de Carne

Hoje lembrei-me de fazer umas empadas, com a massa feita na máquina de fazer pão.
A minha ideia era usar uma das farinhas da Nacional que tenho cá em casa e inovar, para não fazer a tradicional massa das empadas e assim escolhi usar a farinha Pão Rústico da Nacional, que faz um pão escurinho, muito saudável.
O resultado foram umas empadas também de massa escurinha, sem dúvida mais saudáveis que as habituais empadas.
Depois com o resto da massa que sobrou das empadas, fiz outras iguarias que mais tarde revelarei, para não sobrecarregar este post.
Posso dizer que com a massa fiz: entradas, prato principal e sobremesa :)

Hoje dou-vos a conhecer o prato principal, as Empadas Rústicas de Carne que companhei com um Arroz de Alho.



Ingredientes para a Massa:
1/2 cup (120 ml) de Azeite Clássico Espiga
1 cup (240 ml) de água morna
500g de Farinha Pão Rústico da Nacional

Ingredientes para o Recheio:
Azeite Clássico Espiga
Cebola
Alho
Carne picada
Bacon
Salsa q.b. (se quiser, mas eu não usei)
1 pouco de vinho branco
1 cubo de carne

Confecção da Massa:
Coloque o azeite, a água morna e a farinha Rústica da Nacional (que já tem adicionado o fermento para o pão e sal) na cuba da máquina de fazer pão.
Seleccione o programa Massa.

Confecção do Recheio:
Faça um refogado com o azeite, a cebola picada e com o alho picado.
Junte a carne e os restante ingredientes.
Deixe apurar durante cerca de 30m e vá mexendo de vez em quando.
Junte água se necessário, para não secar nem deixar queimar.

Confeccionar as empadas:
Quando a MFP terminar de fazer a massa, retire-a para a bancada de cozinha.
Divida a massa em duas porções para ser mais fácil de trabalhar e estender.

Estender a massa com o rolo de cozinha, e com a ajuda de uma tigela faça círculos maiores (para serem as formas das empadas) e com uma caneca ou copo faça círculos mais pequenos (para serem as tampas das empadas) .
Coloque os círculos maiores de massa numa forma untada (usei o novo óleo em spray da Espiga) que possa ir ao forno, recheie com o preparado de carne e feche com o círculo menor.



Aperte a união das massas com os dedos, para fecharem
Pincele com ovo batido.



Leve ao forno, pré-aquecido a 180ºC, durante cerca de 30m ou até as empadas estarem coradas.



Bom apetite!
Blog Widget by LinkWithin
Pin It button on image hover